Duas Boas Novas Científicas na Mesma Semana

Esta semana a ciência nos brindou com a divulgação de dois estudos científicos que mudarão certamente os rumos da medicina. O primeiro, do dia 8 de setembro, foi conduzido por cientistas britânicos e franceses, traz novidades para quem sofre do terrível Mal de Alzheimer. O outro estudo, divulgado no dia 9, encontrou evidências que o câncer de próstata pode ser causado por vírus, o que abriria caminho para a criação de testes diagnósticos, vacinas e tratamentos para esta doença. Vejamos:
1- Identificados 3 Genes Associados ao Mal de Alzheimer:
Cientistas britânicos e franceses identificaram 3 genes que podem ser determinantes no desenvolvimento do Mal de Alzheimer, segundo artigo publicado na revista Nature Genetics. Os dois genes identificados pelos britânicos -CLU e PICALM - são conhecidos pelo seu papel de proteger o cérebro e estão relacionados ao processamento do colesterol e ao estímulo do sistema imunológico. Segundo o estudo, uma mutação nos genes pode reverter seu efeito protetor e torná-los agressivos, o que causaria a doença.
O gene descoberto pelos franceses, o CR1, também tem ligação com o sistema imunológico. Essa é considerada a mais importante pista genética sobre a doença em 16 anos e deve contribuir para melhorias no tratamento. Segundo os pesquisadores, os genes descobertos são relacionados a uma das variações mais agressivas do Alzheimer, que atinge cerca de 25% dos pacientes no mundo.  A variação mais comum é causada por outro gene, o APOE4. Os pesquisadores querem descobrir, agora, se há relação entre tratamento do colesterol e de inflamações com o surgimento do Alzheimer. A doença atinge 26 milhões de pessoas no mundo e deve chegar a100 milhões até o ano de 2.050.
2- Vírus Pode Ser o Causador do Câncer de Próstata:
Um estudo americano encontrou evidências de que o câncer de próstata pode ser  causado por um vírus. Conhecido por  XMRV, o vírus causa leucemia e sarcomas em animais. Pela primeira vez, foi identificado em células cancerosas de tumores malignos da próstata, afirmaram pesquisadores americanos. os especialistas examinaram mais de 200 casos de câncer de próstata e compararam tecidos cancerosos com os extraídos  de mais de 100 órgãos saudáveis. Eles constataram que 27% dos cânceres continham o vírus; nos tecidos saudáveis a ocorrência era de apenas 6%. Se confirmada, a conclusão do estudo abre caminho para o criação de testes diagnósticos, vacinas e tratamento para o câncer. A doença é mais comum entre homens com mais de 50 anos.  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

Sensibilidade e Especificidade