Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2009

Novo Aparelho Detecta Infarto com Até 12 Horas de Antecedência

Imagem
Projetado nos Estados Unidos, o aparelho chamado de Angelmed Guardian é capaz de detectar ataques cardíacos com até 12 horas de antecedência. Já disponível no Brasil e aprovado pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), o aparelho é instalado sob a clavícula esquerda do paciente. A partir dali, um cabo com dois eletrodos segue até o coração, dentro de uma veia entre o músculo peitoral e o deltóide. Os eletrodos detectam, por meio de variações elétricas, a falta de oxigênio no sangue, o primeiro sinal da isquemia. que pode levar ao enfarte. Daí emite um sinal, que pode ser vibração ou bipe, dependendo do modelo. Ao perceber o alerta, o paciente busca atendimento médico e é tratado antes que o infarto ocorra. O Guardian possui uma eficácia de 90%, funciona 24 horas por dia e custa 60 mil reais.

Sabões em Pó: Limpeza Total no Ambiente

Imagem
Considerado como grande vilão das águas de lagos, rios e represas, o fosfato, elemento que contribui para a proliferação de algas e a consequente morte de peixes, já foi reduzido dos sabões em pó e dos demais produtos de limpeza brasileiros. Algumas empresas foram além do exigido pela resolução 359 do CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente), de 2005, e eliminaram o fosfato, seguindo uma tendência mundial. Antes desta resolução,o fosfato respondia por até 15% da formulação dos sabões em pó vendidos no Brasil. Atualmente é permitido um teor mínimo do elemento, que facilita a limpeza. As indústrias brasileiras trabalham hoje com o máximo de 4,8% e média ponderada de 3,16% de fósforo, mas há uma tendência em se lançar mais produtos de limpeza totalmente livre de fosfato. Apesar destas medidas louváveis, os ambientalistas alertam para o fato de que apenas 8% do fosforo encontrados nos corpos d'água brasileiros são provenientes dos produtos de limpeza e que a maior parte vem de outr…

Regressão Espontânea de Tumores: Uma Realidade

Um extraordinário campo da pesquisa oncológica é a tentativa de compreender o fenômeno de regressão espontãnea de tumores, que pode ocorrer mesmo em neoplasias malignas avançadas. Estima-se que um a cada 140 mil cânceres regrida espontaneamente. Especificamente, nas neoplasias de pele, estima-se que 10 a 20% dos melanomas sofrem regressão completa, enquanto 25% exibem parcial regressão histológica. Além disso, até 20% dos carcinomas basocelulares desaparecem sem tratamento.
Mais recentemente, as pesquisas neste campo demonstraram que as células envolvidas na regressão das neoplasias são principalmente da imunidade inata ( células NK, neutrófilos e macrófagos). Porém, o que se procura descobrir é se existe a possibilidade de um hospedeiro imunocompetente perder temporariamente a sua capacidade de reagir a determinado tumor e , por algum fator endógeno ou ambiental, retomar a capacidade de reconhecê-lo e destrui-lo. Em contrapartida, há vasta literatura científica que oferece base teórica…

Maconha é Droga e Faz Mal a Saúde, Sim!

Em contradição ao que os leigos afirmam, cientistas continuam a confirmar as deficiências causadas pelo uso crônico de maconha. Um dos últimos estudos publicados sobre o assunto abordou os efeitos em adolescentes usuários e revelou que os mesmos apresentam menor desempenho cognitivo, menor atenção e anormalidades cerebrais em decorrência do uso prolongado da droga. A maconha-uma planta herbácea cujo nome científico é Cannabis sativa-é usada como cigarros feitos principalmente com as folhas secas da planta. Uma substância chamada tetrahidrocanabinil (THC) é o princípio ativo da droga e possui efeito alucinógeno. O uso da maconha geralmente inicia o indivíduo na prática da toxicomania e costuma ser o degrau para a procura de alucinógenos mais potente. Em um momento em que se discute a descriminalização da maconha, este estudo veio reforçar o que todos nós já sabemos: a maconha é uma droga alucinógena que tem um efeito potente sobre o sistema nervoso central e que seu uso por um período c…

Rio: Uma Ameaça que Está no Ar

Estudo do Laboratório de Poluição da USP aponta que 2.975 cariocas morrem por ano em virtude de problemas cardíacos ligados ao excesso de partículas finas no ar. Além disso, a cidade gasta anualmente R$ 68,7 milhões em tratamento de vítimas do poluente, que é liberado pela fumaça de óleo diesel. Segundo o levantamento, o excesso de veículos nas ruas é o principal fator de disseminação do poluente. A partícula fina , além de gerar problemas cardíacos, também afeta o sistema respiratório e pode causar asma, bronquite e sinusites. O poluente também provoca casos de diabetes, pressaõ alta e até infertilidade.

Não Há "Gripe Suína". A Gripe é outra.

Imagem
Segundo o Prof. Dr. Vitor Picão Gonçalves, veterinário epidemiologista, professor da Universidade de Brasília, com base no comunicado da World Organisation for Animal Health (OIE) de 28 de abril, o que há na verdade é um surto do vírus influenza, de origem humana e transmitida entre humanos. Nem se sabe se é possível atingir animais muito menos suínos. Por isso, a recomendação de evitar o termo "gripe suína" e adotar influenza A (H1N1) ou então " influenza norteamericana".

Dengue Hemorrágica no Rio é 5 Vezes mais Letal que Gripe Suína

Índice de mortes por dengue hemorrágica no Estado do Rio de Janeiro supera os 5%, enquanto que no mundo todo o vírus H1N1, causador da gripe suína, mata apenas 1% dos infectados. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o tipo mais perigoso da dengue atingiu 1.854 pessoas no Estado em 2008 e causou 100 mortes, o que dá uma taxa de letalidade de 5,39%. Já a gripe suína ( ou melhor, influenza A), de acordo com os últimos dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), matou 65 pessoas num total de 6.497 infectadas ao redor do mundo, ou seja, a taxa de letalidade para esta doença foi de 1% . Assim, proporcionalmente, a dengue hemorrágica tem causado mais estragos no Rio de Janeiro do que a gripe suína no mundo inteiro. O Estado do Rio teve 5.552 casos de dengue clássica neste ano, contra 176 mil no mesmo período de 2008, mas ainda não é uma doença absolutamente controlada. Portanto, temos muito que fazer no combate ao mosquito transmissor. Quanto a dengue do tipo hemorrágica, a doença provoco…

Apenas 38% dos que Fazem Curso Técnico Atuam na Área de Formação

Um levantamento feito com 8 mil ex-alunos da Faetec (Fundação de Apoio à Escola Técnica), em 17 unidades da instituição, revela que apenas 38% dos alunos que se formam nos cursos técnicos oferecidos utilizam no mercado de trabalho o conhecimento adquirido durante o período de estudos. Segundo o secretário estadual de ciência e tecnologia Alexandre Cardoso, a maioria dos jovens que concluem suas aulas na instituição está preparada para passar nos vestibulares. Por isso, eles deixam o diploma do curso técnico de lado e migram para o ensino superior em faculdades conceituadas. Já o presidente da Faetec, Celso Pansera, acredita que os jovens seguem outro caminho em busca de mais dinheiro. Segundo ele, existe uma ilusão de que o curso superior garante uma melhor remuneração. Porém, de acordo com o coordenador deste estudo, o Rio de Janeiro tem uma demanda de 1,5 mil técnicos, principalmente nas áreas de saúde, mecânica, informática, eletrotécnica, segurança do trabalho, telecomunicações, el…

Mata Atlântica: Protejam as Pererecas

Exuberante por natureza e maltratada por séculos de ocupação humana, a Mata Atlântica-da qual restam apenas cerca de 8% de área original-ainda guarda regiões pouco conhecidas e de grande biodiversidade. O corredor central desse ecossistema, localizado próximo à Bahia, por exemplo, é apontado por um grupo depesquisadores brasileiros e americanos como uma das áreas mais ricas em flora e fauna do país. Utilizando a análise genética de 3 espécies de pererecas do gênero Hypsiboas o grupo de cientistas criou um modelo matemático para determinar que áreas da própria floresta teriam mais biodiversidade, com base na estabilização climática ao longo dos milênios. Desprezadas por muita gente, as pererecas foram escolhidas porque são indicadores confiáveis da qualidade ambiental da mata. Ao analisar a distribuição e os dados genéticos desses animais, os pesquisadores encontraram o local onde há maior diversidade genética deles, justamente as áreas que se revelaram climaticamente mais estáveis e qu…

Uma Violência que Precisa ser Reprovada

A violência praticada dentro dos colégios vem mudando drasticamente a rotina das instituições de ensino e a vida dos que passam por elas. Há muito tempo que a hora do recreio deixou de ser a hora mais esperada para se tornar a mais temida por muitos estudantes. Diversos casos de violência, intimidação e bullying tem sido relatados em várias instituições do país, muitas até de renome. A violência nos colégios também atinge os professores e não se resume a agressão física. A agressão muitas vezes é simbólica, com brincadeiras, cinismos, xingamentos, difícil de ser caracterizada. Outras vezes é descarada, como é o caso de um aluno da Escola Municipal Professor Moacir de Andrade em Belo Horizonte, o qual foi detido após ter jogado objetos na professora, tentado agredi-la e colocado fogo em seu cabelo. Parece que está havendo uma cultura de violência, patrocinada pela televisão, pelo cinema, por games e, o mais grave, pela própria realidade que cerca o cotidiano dos alunos. A desestruturaç…

Feromônios: A Atração Química que Rola entre os Insetos

Feromônios são substâncias secretadas por um indivíduo que permite a comunicação com outro indivíduo da mesma espécie através da emissão de odores. Cada espécie possui o seu próprio "código" de comunicação baseado nas diferenças estruturais dos compostos contidos nos odores emitidos. Assim, formigas lava-pés não irão entender a linguagem de formigas-limão e vice-versa. Muito menos uma abelha entenderá a linguagem de um maribondo ou de uma barata. Os feromônios fazem parte de um universo muito amplo de comunicação química, efetuada por meio de substâncias denominados semioquímicos. De acordo com as suas funções, os feromônios podem ser classificados em: feromônio de marcação de trilha ( muito utilizado por formigas), feromônio de alarme (o inseto emite um odor que avisa a colônia da aproximação de um inimigo, como fazem os percevejos), feromônio de agregação (o cheiro é usado para atrair os membros da especie para uma fonte de alimento ou para um novo local de moradia), etc. …

Miomas

Os miomas são tumores benignos que acometem o útero das mulheres, mais precisamente a camada muscular do útero conhecida como miométrio. Portanto, os miomas não são cânceres, uma vez que esta denominação se aplica apenas aos tumores malignos. Os miomas acometem principalmente mulheres dos 25 aos 45 anos. Acometem até 80% das mulheres na idade fértil, principalmente da raça negra. Mulheres com história familiar de miomas e que nunca engravidaram têm uma probabilidade maior de desenvolver miomas. Até 30% dos casos necessitam de algum tratamento. Os principais sintomas são sangramento vaginal excessivo, principalmente durante a menstruação, sensação de peso em baixo ventre, aumento da freqüência urinária ( devido a compressão da bexiga), prisão de ventre ( devido a compressão do intestino), aumento do volume abdominal e dificuldade para engravidar e/ou de manter a gravidez. Os principais tratamentos indicados em casos de miomas são: retirada cirúrgica dos mesmos com restauro uterino atrav…

As Mudanças Climáticas e a Agricultura no Brasil

As mudanças no clima do Brasil têm intensificado a ameaça de pragas para a agricultura e levado ao limite o desafio de melhorar geneticamente plantações, para que resistam a condições extremas de seca, chuva e calor provocadas pelo aquecimento. A elevação da temperatura média dos estados da região sul e as mudanças no regime das chuvas já causam prejuízos para as culturas de feijão, soja, milho, café, trigo, cevada, arroz e das frutas que dependem do frio. Nas lavouras de soja do Sul, Centro-Oeste e Sudeste a ferrugem e outras doenças fúngicas aumentaram. A avaliação dos pesquisadores é que o aumento dos fungos é provocado pela combinação de excesso de chuvas e temperaturas muito elevadas. Um estudo do Embrapa revelou que primaveras mais chuvosas e quentes favorecem o desenvolvimento de uma espécie de fungo que ataca os grãos de trigo e cevada e produz microtoxinas tóxicas para o homem. A praga toma conta das plantações justamente na época de maturação dos grãos e a produção fica conta…

As Mutações Impostas pelo Capitalismo

A partir de agora a OMS ( Organização Mundial de Saúde) passou a se referir à gripe suína como Influenza A (H1N1). Há quem diga que esta mudança de nome foi um pedido (ou imposição?) das megaindústrias do agronegócio, sobretudo as dos setores da suinocultura. Mais do que uma simples mutação semântica, a troca de nome é uma tentativa de evitar que o pânico contamine o desempenho econômico do setor. Afinal, não convém as empresas como a Smithfield Foods, maior produtora de carne suína do mundo, ter as palavras "gripe" e suína" juntas num momento tão economicamente conturbado como esse de crise em que estamos vivendo.
A doença é proveniente da mutação do vírus H1N1 e teve o primeiro caso de surto numa cidade mexicana que fica próxima a uma subsidiária da Smithfield. Coincidência? Pode ser. Para atender a demanda, os suinocultores lançam mão de vários recursos para otimizar a produção. Os animais ficam aos milhares em galpões industriais, espremidos. Com a imunidade afetada …

Câncer de Colo do Útero Mata 25% Mais no Rio

A taxa de mortalidade por câncer de colo de útero é 25% maior no município do Rio de Janeiro em comparação à média do país. Segundo dados do INCA (Instituto Nacional do Câncer), a média da taxa bruta de mortes entre 1999 e 2006 foi de 6,16 para cada 100 mil mulheres cariocas. Em todo o Brasil, a estatística para o mesmo período ficou em 4,92 mortes por 100 mil.
Os números do Rio, de acordo com o estudo, também ficam acima da taxa-padrão mundial para casos da doença. De acordo com o Inca, para cada 100 mil mulheres em todo o mundo, 5,57 morrem em virtude do câncer. O exame preventivo ou Papanicolaou é determinante para se diagnosticar o cãncer de colo uterino precocemente e tratá-lo.

Os Homens se Estressam Mais

Cientistas da Universidade de Cambridge, Inglaterra, descobriram que o estresse afeta mais o homem do que a mulher. Segundo eles, o sofrimento dos homens com estresse começa já no útero materno. Os fetos do sexo masculino liberam mais cortisol, o hormônio do estresse, ainda na barriga da mãe. A descoberta foi feita com estudos em animais e isso poderá ajudar a explicar o que muita mulheres suspeitam: que os homens ficam mais desnorteados, desorientados e agressivos quando não realizam o que desejam ou quando algo dá errado. Os autores desse estudo acreditam que o homem é geneticamente muito mais vulnerável ao estresse do que a mulher.

Garimpagem on Line

Sabe aquele livro raro que você só encontra nos sebos? Pois bem. Desde o final de 2005 você pode contar com o site Estante Virtual, uma espécie de Google dos sebos que resolveu o problema de muita gente avessa às prateleiras de livros velhos e empoeirados. O site reúne o acervo dos principais sebos do país, ultrapassando 4 milhões de livros. E o que mais importante: o consumidor pode ter acesso a livros raros em alguns cliques e comprá-los até por cartão de crédito. O endereço do site é http://www.estantevirtual.com.br/ .

Jornada Escolar no País é Baixa e Ilegal

Segundo um estudo divulgado no dia 27 de abril pela Fundação Getúlio Vargas do Rio (FGV-RJ), os alunos brasileiros entre 4 e 17 anos passam, em média, 3,8horas por dia na escola, tempo inferior às quatro horas mínimas previstas pela Lei das Diretrizes e Bases da Educação. De acordo com o chefe do Centro de Pesquisas Sociais da FGV-RJ, Marcelo Neri, esta jornada escolar é insuficiente;deveria ser de pelo menos cinco horas. Ir á escola só não basta. É preciso passar mais tempo lá. O tempo na escola é uma das poucas variáveis que aumentam o aprendizado.