Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2015

Um Peixe de Ferro Reforça a Comida no Camboja

Imagem
Um peixe de ferro, adicionado na hora do cozimento da comida, está ajudando a solucionar o problema da deficiência nutricional de ferro no Camboja. Esta solução simples, barata, acessível e ambientalmente sustentável foi desenvolvida por um estudante de medicina em 2008 e tem resolvido parte de um problema de saúde global
No Camboja, uma dieta predominantemente à base de arroz e peixe deixa uma grande porcentagem da população com deficiência de ferro, o que pode levar a anemia, um problema de saúde global, com efeitos que vão desde a incapacidade de se concentrar a partos prematuros e abortos espontâneos. Por outro lado, comprimidos com suplemento de ferro são caros no país e seus efeitos colaterais desencorajam as pessoas a tomar uma dose diária. Vencedor do Grande Prêmio de Design de Produto no Festival Internacional de Criatividade de Cannes Lion (França), o estudante de medicina da Universidade McMaster, no Canadá, que viajou para o Camboja em 2008 para um projeto de iniciação…

A Homossexualidade nos Animais

Imagem
Cerca de 1.500 espécies animais, de primatas a nematóides, já foram documentadas engajadas no que tecnicamente se chama de comportamento homossexual. A homossexualidade feminina parece especialmente comum em aves marinhas, mas os pombos também costumam exibir atividade homossexual de fêmeas e machos.
Na ilha de Oahu, no Pacífico, cerca de 30% dos casais de albatrozes-de-laysan Phoebastria immutabilis é formado por fêmeas que mantêm uma relação estável (em geral, dura a vida toda) e juntas criam seus filhotes. Como um casal de albatrozes só consegue criar, com sucesso, um filhote a cada temporada, as moças têm que entrar em algum acordo. De fato, ambas têm a chance de ser mães ao longo dos anos de sua relação. Quanto aos pais, estes em geral são senhores casados da vizinhança, cooptados como doadores para as produções não independentes. Conforme nos esclarece o biólogo Fábio Olmos em sua matéria intitulada Animais gays não têm pastores homofóbicos, publicada em 2013 no site "O Ec…

Formigas Prateadas

Imagem
As formigas prateadas do Saara possuem um mecanismo engenhoso que as tornam capazes de resistir à uma temperatura de  até 70°C. A organização e estrutura singular de seus pelos prateados permitem que elas controlem o espectro solar e regulem a sua temperatura corporal.

As formigas prateadas da espécie Cataglyphis bombycina, que habitam o deserto da Saara conseguem sobreviver à uma temperatura de 70ºC. Formigas prateadas? Sim, insetos dotados de um revestimento prateado dos pelos, cuja organização e estrutura singular permitem que elas controlem o espectro solar e regulem a sua temperaturacorporal.
Geralmente esses insetos não costumam sobreviver quando a temperatura corporal supera os 53,6 °C, mas essas formigas conseguem se manter vivas graças a um mecanismo engenhoso que permite que elas permaneçam 'frescas', como descobriu uma equipe internacional de cientistas. O resultado da investigação foi publicado na revista científica Science. Por um lado, o revestimento prateado dos…

Os Elefantes Não Esquecem

Imagem
Os elefantes são animais tão inteligentes quanto os chimpanzés, gorilas e golfinhos, mas estão ameaçados de extinção devido à perda do seu habitat e da caça ilegal que abastece o contrabando de marfim. Elefantes são capazes de distinguir a etnia, o sotaque e o sexo das vozes humanas que ouvem, reconhecer a própria imagem no espelho, além de perceber a morte e chorar a morte dos entes queridos.
Os elefantes são animais super inteligentes – tão próximos dos humanos quanto os macacos. Os elefantes sabem distinguir a etnia, o sotaque e o sexo das vozes humanas que ouvem. Utilizam essa capacidade para se defender e se esconder de inimigos potenciais.Ainda assim, estamos literalmente levando estes animais à extinção.  Um grupo de pesquisadores da Universidade de Sussex (GB) fez com que elefantes africanos (Loxodonta africana) do Amboseli National Park, no Quênia, escutassem uma série de gravações de vozes humanas. Algumas frases erram pronunciadas por homens da etnia Massai, pastores que oc…

Um País Onde as Pessoas Não Engordam

Imagem
A OMS preconiza que todos países da União Europeia terão mais obesos até 2030, menos a Holanda. E um dos motivos que explicam porque a população holandesa é e tende a continuar magra mesmo comendo tanta batata frita com maionese é o hábito de andar de bicicleta.
Lá eles têm McDonald's e Burger King, comem muito fast-food e os jovens adoram batatas fritas e maionese como em todo lugar do mundo, mas a população não engorda. Que país é esse? E como isso é possível? Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Holanda é o único país da União Europeia que não tende a ver suas taxas de obesidade crescerem nos próximos 15 anos. Até 2030, a população obesa deve atingir meros 8,5% – na Irlanda, por exemplo, a taxa deve chegar a 50%. E isso, acreditam muitos, se deve em parte ao hábito de pedalar. Os holandeses pedalam mais do que qualquer outro povo na Europa. Em média, são 2,5 quilômetros por dia. Só que, dependendo do peso, é possível queimar apenas em torno de 60 calorias ao trafega…

Eu, Primata?

Imagem
A ciência tem procurado demonstrar que o comportamento humano atual foi herdado do nosso ancestral comum que nos relaciona com os gorilas, chimpanzés e bonobos. Muitos comportamentos antes considerados como exclusivos da espécie humana já foram observados na sociedade dos símios mais aparentados como os chipanzés e bonobos.

O orgulho humano tem impedido muita gente de compreender o fato de que nós, seres humanos, somos animais muito parecidos com os símios. Do ponto de vista evolutivo, não podemos conceber uma criação especial para os humanos, visto que a seleção natural não permitiria esse privilégio. Querer separar o homem do resto da criação e colocá-lo num patamar superior ao das outras espécies viventes é reduzir toda a criação a um processo simplista e desconsiderar tudo que já foi estudado no campo da biologia evolutiva por diversos pesquisadores ao longo dos séculos. O primeiro livro a adotar os princípios darwinistas para explicar o comportamento humano foi o "O Macaco N…

Foca na Pesquisa dos Oceanos

Imagem
Pesquisadores estão acoplando sensores na cabeça das focas para coletar dados via satélite sobre as condições dos oceanos. As focas são exímias mergulhadoras das águas mais frias do planeta, podem  atingir 1.800 m de profundidade, gerando dados inéditos sobre salinidade e temperatura destas águas
Quer saber as últimas novidades sobre as condições dos oceanos? Então se liga e foca nas transmissões de dados que os animais marinhos estão coletando para o projeto MEOP. Desde 2004, pesquisadores da Universidade Saint Andrews (Escócia) desenvolvem o projeto Marine Mammals Exploringthe Oceans Pole-to-pole (MEOP), em tradução livre, "Mamíferos marinhos explorando os oceanos de pólo a pólo". O trabalho consiste em instalar sensores na cabeça das focas para capturar informações via satélite do ambiente próximo a cada animal. As focas, exploradoras contumazes das águas mais frias do planeta, podem atingir até 1.800 metros de profundidade em mergulho, gerando dados inéditos sobre salin…

O Sumiço das Abelhas na Ordem do Dia

Imagem
O sumiço das abelhas do país tem preocupado o Governo dos EUA. As abelhas são as principais polinizadoras do hemisfério norte, associadas ao florescimento da flora e à maior parte do cultivo agrícola. Só nos Estados Unidos, um mercado de 15 bilhões de dólares depende diretamente desse trabalho de polinização.
O Governo dos Estados Unidos passou a tratar o desaparecimento das abelhas como uma questão de Estado. Desde que a população de abelhas começou a diminuir no país, a Casa Branca têm se preocupado em conduzir este assunto com máxima prioridade. Um estudo divulgado pelo consórcio Bee Informed Partnership, financiado pelo governo e por universidades americanas, destacou que apenas no ano passado 42% das colônias americanas desse inseto desapareceram.  "Por que isso dá dor de cabeça até no presidente Barack Obama? As abelhas são as principais polinizadoras do hemisfério norte, associadas ao florescimento da flora e à maior parte do cultivo agrícola. Só nos Estados Unidos, um mer…

As Superbactérias Em Nosso Cotidiano

Imagem
Muita gente visita parentes internados, não lava as mãos e depois utiliza o transporte público, levando bactérias de todo o tipo para todos os lugares -- sem contar a falta de tratamento de esgoto em diversas partes do país. Isso faz com que a presença de superbactérias em nosso cotidiano torne-se mais frequente.
Quando se fala em "superbactéria", é comum pensar em um micróbio que ficou mais forte, capaz de causar uma doença mais grave nas supostas vítimas. Trata-se apenas de um germe que desenvolveu um mecanismo de sobrevivência e se tornou imune às armas criadas para combatê-lo. A capacidade de causar doença não aumenta, o tratamento é que fica mais complicado. Com o uso de cada vez mais disseminado de antibióticos, em larga escala e muitas vezes de forma incorreta, aumentou-se a pressão para que cada vez mais microrganismos com mecanismos de resistência fossem gerados. Em um mundo globalizado, em que milhares de pessoas viajam todos os dias de um canto a outro do mundo, é…

Eurico Santos, O David Attenborough Brasileiro

Imagem
Eurico Santos, o maior divulgador da fauna e da flora brasileira, dedicou a vida a levar ao público leigo, de forma interessante e educativa, informação sobre a nossa história natural. Porém, não conseguiu a notoriedade do ilustre apresentador da BBC, Sir David Attenborough, que ganhou projeção internacional a partir dos anos 70 graças aos documentários sobre a vida selvagem que apresentava na TV.
A comparação não é minha. É de Silvio Marchini, doutor em Conservação da Vida Silvestre, na matéria que produziu para o site"O Eco" intitulada "Eurico Santos, divulgador da natureza brasílica", publicada em 22 de fevereiro de 2013, por ocasião do 45º aniversário da morte do naturalista. Diz Silvio Marchini; "Eurico Santos foi – guardadas as proporções – um David Attenborough tupiniquim dos meados do século 20. A exemplo do ilustre apresentador da BBC, Eurico Santos dedicou a vida a levar ao público leigo, de forma interessante e educativa, informação sobre história n…

As Guerras Que os Microrganismos Venceram

Imagem
A história da humanidade e suas guerras pode ser recontada do ponto de vista da infectologia, posto que em muitos combates os microrganismos foram os verdadeiros vencedores do conflito, sem distinção de bandeiras ou divisas.
A guerra da África do Sul (1899-1902) não foi ganha com os antiquados rifles dos fazendeiros bôeres, mas pelo bacilo da febre tifóide. Em cada grupo de mil soldados enviados para a Cidade doCabo pelo Império Britânico, a febre tifóide matou 15, duas vezes mais do que conseguiu o inimigo.  Em 430 a.C, o tifo em Atenas já havia complicado bastante a Guerra do Peloponeso. Em Antioquia, em 1098, o tifo e o a disenteria dizimaram os cruzados, homens e cavalos. O medo generalizado da infecção fez maravilhas quanto ao índice de conversão ao cristianismo, especialmente porque o único recurso da saúde pública era o exorcismo. Durante a Guerra dos 30Anos, os dois lados posicionaram-se para a batalha de Nurembergue, em 1632, mas o tifo matou antes de a luta começar que tiv…