Postagens

O Mito da Magreza

Imagem
Associado ao empoderamento feminino, a valorização do corpo magro e jovem tem contribuído para aumentar os distúrbios ligados à alimentação, as cirurgias plásticas, a pornografia e a necessidade artificialmente provocada de corresponder a um modelo idealizado de mulher, em que a velhice e a obesidade, mais do que pecados, são motivos para a estigmatização. Atualmente, ser magra parece ser a prioridade número 1 de muitas mulheres, pois esta condição agora também está atrelada a um indicativo de uma boa saúde. 
Em seu livro O Mito da Beleza, publicado na década de 1990, a jornalista estadunidense e reconhecida escritora feminista, Naomi Wolf defende que há mecanismos que dominam a mulher na sociedade e sempre que ela consegue se libertar de um, outros mecanismos são criados para se manter este domínio. Para mostrar como a indústria da beleza e o culto à bela fêmea manipulam imagens que minam a resistência psicológica e material femininas, reduzindo as conquistas de mais de 20 anos de lu…

A História Oculta da Diversidade Canina

Imagem
Cientistas examinaram os genomas de 1346 cachorros para criar um dos mais variados mapas filogenéticos já produzidos, traçando relações entre as raças. Mapa genético contendo mais de 160 raças mostra como as raças se relacionam proporcionando abundantes informações sobre suas origens. A nova árvore genealógica de cães revela a história oculta do melhor amigo do homem, além de mostrar como o estudo dos genomas caninos pode ajudar na pesquisa de doenças humanas.

Em um estudo publicado esta semana na revista Cell Reports, cientistas examinaram os genomas de 1346 cachorros para criar um dos mais variados mapas filogenéticos já produzidos, traçando relações entre as raças. O mapa contendo mais de 160 raças, mostra os tipos de cães que seres humanos cruzaram para criar as raças modernas, e revela que os cães gerados para realizar funções semelhantes, como os de trabalho e pastoreio, não necessariamente compartilham as mesmas origens. As análises até sugerem que houve um tipo primitivo de cã…

O "Reality Show" dos Pinguins

Imagem
Para conhecer detalhes de como é a vida dos pinguins-gentoo (Pygoscelis papua) durante o rigoroso inverno no extremo sul da Península Artártida Ocidental, pesquisadores britânicos e argentinos instalaram câmeras fotográficas em sete locais de reprodução da espécie. As câmeras foram espalhadas pela Argentina, Antártica e algumas ilhas e enviaram diariamente entre 8 e 14 fotografias para um site na internet, entre os anos de 2012 e 2014. As imagens eram acompanhadas por um grupo de voluntários que contavam os animais registrados. As fotografias retratam cerca de 1400 horas da vida dos pinguins, inclusive durante o rigoroso e escuro inverno antártico. 
Com a finalidade de conhecer como é a vida dos pinguins-gentoo (Pygoscelis papua) durante o rigoroso inverno no extremo sul da Península Artártida Ocidental, pesquisadores da Universidade de Oxford (Reino Unido) e da Argentina, instalaram câmeras de lapso de tempo em sete locais de reprodução da espécie. As câmeras fotográficas foram espal…

Causa da Morte: Obsessão Por Sexo

Imagem
Cientistas australianos analisaram como o período de acasalamento intenso afeta uma população de cobras listradas (Thamnophis sirtalis), no Canadá. O estudo mostra que, durante este período, os indivíduos se envolvem em orgias em que milhares de machos procuram desesperadamente acasalar-se com uma fêmea. A competição é tão intensa que, durante aquelas semanas os machos não comem, aproveitam a maior parte de seu tempo para procriar e brigam por fêmeas que não gastam mais de três dias em atividades reprodutivas. Como consequência, envelhecem e morrem bem mais cedo que as fêmeas. Na foto, vemos uma fêmea (maior) perseguida por vários machos (menores).
Cientistas da Universidade de Sydney, na Austrália, analisaram como o período de acasalamento intenso afeta uma população de cobras listradas da espécie Thamnophis sirtalis, em Manitoba no Canadá. O estudo mostra que, após um período de hibernação de 8 meses em tocas subterrâneas, os indivíduos desta espécie emergem em massa na primavera, f…

20 Anos de um Clássico da Ornitologia Brasileira

Imagem
Lançado em 1997, o livro Ornitologia Brasileira (já esgotado) do ornitólogo alemão naturalizado brasileiro Helmut Sick é a principal obra de referência sobre a avifauna brasileira, tanto para pesquisadores como para observadores de aves. O livro está completando 20 anos e  sintetiza a larga experiência do autor com as quase 1.700 espécies de aves que ocorrem no Brasil e traduz numa linguagem acessível toda a sua experiência fundamentada em mais de 50 anos de cuidadosas e pacientes observações.
Nos primórdios da nossa internet, quando ainda não havia WikiAves ou qualquer outra página de identificação de aves, a principal referência dos ornitólogos brasileiros era o livro Ornitologia Brasileira de Helmut Sick. Passados 20 anos, esse livro ainda permanece como a nossa melhor referência para se estudar as aves brasileiras. O livro é tão importante que foi apelidado de "bíblia da ornitologia brasileira". Em 1985, Sick havia lançado em dois volumes pela editora da Universidade de …

O Que Aconteceu Com os Casos de Microcefalia em 2016?

Imagem
A discrepante diminuição nos casos de microcefalia causados pelo Zika vírus no nordeste brasileiro em 2016 intrigou a comunidade científica que esperava por uma avalanche de casos similar aos de 2015. Um novo estudo feito sobre os dados de 2016 trouxe revelações surpreendentes. Apesar das teorias apresentadas pelo especialistas a pergunta ainda persiste:por que houve menos casos de microcefalia causados pelo Zika vírus no ano passado? 
Desde os primeiros estágios do surto de Zika nas Américas, foram levantadas questões sobre o elevado número de casos de microcefalia no nordeste do Brasil. Depois de tantos nascimentos registrados no nordeste brasileiro nos últimos três meses de 2015, o país - e outros lugares onde o vírus por onde o vírus se espalhou -as autoridades de saúde se prepararam para uma avalanche similar de casos em 2016. Porém, isso não se concretizou, ao menos não no mesmo nível. Uma matéria assinada por Hellen Branswell, uma jornalista que cobre notícias de doenças infecc…

Um País Acuado Por Um Mosquito Odioso

Imagem
Surgido em áreas silvestres da África, o mosquito Aedes aegypti – nome que significa "odioso do Egito" – é combatido no país desde o início do século passado. Chegou às Américas na época da colonização em navios que faziam o tráfico transatlântico de escravos e,  ao longo dos séculos , encontrou no ambiente urbano um espaço ideal para sua proliferação. O risco de reintrodução da febre amarela urbana no Brasil pelo Aedes é real e a Sociedade Brasileira de Virologia aconselha a todas as pessoas que vivem em áreas de risco que procurem um posto de vacinação para diminuir a chance de ocorrência de um surto urbano da doença.
O risco de reintrodução da febre amarela urbana no Brasil pelo Aedes aegypti acendeu um sinal de alerta nas instituições de saúde pública e trouxe à tona antigas preocupações sobre esta doença no país. A preocupação das autoridades é real, visto que a reurbanização da doença representaria uma tragédia já vivenciada por nossa população no século passado. No in…