Ainda Distantes da Vacina Anti-Aids

Apesar dos avanços conquistados na pesquisa de tratamentos contra a Aids nos últimos anos, cientistas ainda estão longe de produzir uma vacina eficaz para combater a doença. A avaliação é da médica francesa Françoise Barre-Sinoussi, prêmio Nobel de Medicina em 2008 e uma das descobridoras do HIV, vírus causador da doença. Ela informou isso ontem (18/07/2010) em Viena (Áustria) na abertura da 18ª Conferência Mundial sobre a Aids, que termina nesta sexta-feira (23/07/2010). A médica, porém, ressalta que o trabalho realizado até agora para descobrir uma vacina não foi em vão, pois aumentou o conhecimento a respeito da Aids e do vírus HIV.
Segundo a ONG Aliança Internacional/Aids, o custo anual de combate deve atingir 35 bilhões de dólares em 2030 caso os governos não desenvolvam políticas eficazes de prevenção.

Comentários

  1. Olá, blogueiro!

    A melhor prevenção é a informação e usando a camisinha, todos curtem melhor a vida e sem preocupação. Ajude a divulgar informações e conscientizar mais pessoas sobre as formas de contágio e prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, como o vírus HIV. Conheça algumas das atuais campanhas contra o preconceito e de prevenção a DSTs do Ministério da Saúde. Ajude-nos a divulgá-las. Vamos juntos conscientizar um número maior de pessoas.
    Camisinha. Com amor, paixão ou só sexo mesmo. Use sempre.
    Para mais informações: comunicacao@saude.gov.br, www.aids.gov.br ou www.formspring.me/minsaude .
    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

Sensibilidade e Especificidade