Rede Social para Cientistas

No ResearchGate, usuários disponibilizam suas publicações científicas para 'download' e trocam artigos fechados das mais variadas áreas.
No portal, cientistas têm páginas de perfil semelhantes às do Facebook.

A ciência tende a ser cada vez mais aberta e coletiva. Influenciadas pela internet, novas iniciativas de publicação e revisão por pares, como o Peerage of Science , o arXiv e a PLoS, confirmam essa tendência, que começa, aos poucos, a despontar também nas redes sociais. O maior exemplo disso é o ResearchGate, espécie de Facebook para cientistas que já reúne quase um milhão e meio de pessoas pelo mundo, 40 mil só no Brasil, onde chegou no início de 2012.
O objetivo do site é criar perfis acadêmicos de pesquisadores e também servir de local de discussão. Lá, os usuários cadastrados podem apresentar ao mundo sua formação, área de interesse e disponibilizar suas publicações, além de participar de fóruns e comunidades de seu interesse.
No entanto, seguindo uma tendência de burlar o sistema estabelecido pelas editoras – em que autores esperam, revisores não recebem nada em troca e periódicos, muitas vezes, cobram por acesso e publicação –, membros da comunidade científica vêm usando o ResearchGate para compartilhar artigos fechados e pedir por revisões informais de artigos.
Como a maioria dos periódicos autoriza os cientistas a disponibilizar links para seus trabalhos em suas páginas pessoais, muitos usuários fazem isso no perfil do ResearchGate. Já são mais de 50 milhões de publicações disponíveis para download no site.
Para acessar o ResearchGate, clique no link
Fonte: Ciência Hoje On-Line

Comentários

  1. REDE SOCIAL PARA CIENTISTA:A REDE SOCIAL ESTA SE INOVANDO A CADA ANO;ESCLARECENDO A INTERNET ESTA SE INOVNDO A CADA ANO. PESSOAS ACESSAO A INTERNET COM MUITA FACILIDADE ACHAM QUALQUER COISA MESMO SERA QUE E BOM A TECNOLOGIA ENOVA CADA VEZ MAIS?ISSO QUE AS PESSOAS TEM QUE PENSAR ANTES DE FASER QUALQUER COISA PELA INTERNET.ETEVM-LUCAS ANDERSON.TURMA:2414 28/03/2012.ÁS 23:11PM

    ResponderExcluir
  2. Acho uma otima ideia, pois nos(alunos) podemos usar o perfil para nossos trabalhos escolares e para aprender mais sobre tudo na vida, já que temos mais de 50 milhões publicações disponoveis para download no site.
    Tomara que faça o mesmo sucesso das outras redes sociais como o facebook, assim vamos ter mais conhecimento do que bobeiras e brincadeira... ANDERSON BRAZ. 2413

    ResponderExcluir
  3. Finalmente uma rede social útil e inteligente que irá funcionar como um grande estímulo para os cientistas.Isso irá proporcionar até memso novas descobertas daqui a algum tempo, e é uma boa dica para essa turma de hoje em dia que só vive postando coisas fúteis e sem nenhum fundamento.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

Sensibilidade e Especificidade