Índio, Doutor e Professor

Líder indígena recebe título de doutor e passa a lecionar em mestrado. Almir Suruí recebeu o título de doutor 'Honoris Causa'.Título concedido se destaca na atuação em benefício da sociedade.

O líder indígena da etnia paiter suruí, Almir Suruí, recebeu o título de doutor “Honoris Causa” pela Universidade Federal de Rondônia. Ele passou a lecionar aulas de sustentabilidade no mestrado de geografia da instituição. O título destaca a atuação em benefício da sociedade. Em parceria com uma empresa norte-americana, Almir desenvolve projeto de crédito de carbono que ajuda a proteger as florestas do povo Suruí em Rondônia.
A disciplina lecionada faz parte da realidade da vida do líder indígena, agora professor universitário: Políticas Públicas e Sustentabilidade. Almir afirma que o povo suruí têm planos em médio prazo. "O fortalecimento institucional, proteção do território, valorização da cultura e geração de emprego e renda, que são os temas principais que podem garantir a sustentabilidade econômica, ambiental e social para o povo suruí da região", explica Almir.
Os debates, segundo os alunos, são mais ricos, devido a proximidade do professor com o tema. "O que o professor vem trazer para nós é a voz do povo indígena e, para as políticas públicas, nós precisamos ouvir quem está sendo impactado", avalia a estudante de pós-graduação Ana Paula Aquino.
"É a primeira vez que temos um indígena como professor de um programa de mestrado e me sinto honrado por isso", afirma o também estudante Cassiano Lobato.

Fonte: Portal G1
Veja também no Biorritmo:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

Sensibilidade e Especificidade