A Era dos Robôs Já Chegou!

O paciente francês Florian Lopes de 22 anos segura um galho de árvore com seu novo braço biônico. Florian perdeu três dedos em um acidente no final de 2011 e foi o primeiro paciente francês a receber esse tipo de membro artificial no valor de 42 mil euros. (Thomas Samson/AFP/Getty Images)

Os avanços em Robótica estão gradualmente ganhando espaço nos campos da exploração espacial, saúde, segurança pública, entretenimento, defesa, e outras. Essas máquinas (muitas delas autônomas, apenas precisando ser iniciada por um humano) estende o nosso alcance, melhora nossas capacidades e viajam para locais onde seria muito arriscados irmos. 
A Robótica sem dúvida é uma área que avança muito rapidamente em diversas áreas da ciência. Enquanto toda essa tecnologia era usada apenas para fins de automação do processo industrial a única reclamação era o desemprego estrutural, mas com os avanços nas últimas décadas o uso de robôs tem sido aplicada em várias áreas como: astronomia, agricultura, oceanografia, medicina, indústria, lazer, como pets, tarefas domésticas e outros. Já até se admite o uso dessa tecnologia de ponta na guerra.
Ao comentar sobre os avanços da robótica, Fábio Cerqueira menciona em seu blog 3 leis da robóticas escritas no livro “Eu, Robô” de Isaac Asimov. Diz ele: " Apesar de ser um livro de ficção científica escrito em 1950, suas leis são coerentes até hoje, mas pelo o que vejo a indústria bélica não liga muito para elas. Segue abaixo as leis. 
1ª lei: um robô não pode fazer mal a um ser humano e nem, por inação, permitir que algum mal lhe aconteça. 
2ª lei: um robô deve obedecer às ordens dos seres humanos, exceto quando estas contrariarem a primeira lei. 
3ª lei: um robô deve proteger a sua integridade física, desde que com isto não contrarie as duas primeiras leis. 
E em 1984 foi adicionada pelo próprio Asimov a quarta lei. 
4ª lei: um robô não pode causar mal à humanidade nem permitir que ela própria o faça."
A seguir, algumas imagens que denotam a presença cada vez mais expressiva dos robôs em nosso cotidiano:





Fig. 1: Dois robôs quadrupedes semi-autônomos chamados de LS3 projetadas para suportar cargas pesadas ao correr em terrenos acidentados, interagindo com a tropa semelhante a um animal de carga treinado.
Fig.2: Um robô da SWAT. Um veículo-tanque pequeno de controle remoto com um escudo para os oficiais é demonstrado na imagem. A companhia Maine diz que seu robô mantem a equipe da SWAT e outros socorristas seguros em situações de impasse e confronto com suspeitos armados. (AP Photo/Robert F. Bukaty)
Fig.3: O presidente americano Barack Obama aperta a mão de um braço robótico na Feira de Ciências Americana, uma grande feira nacional de estudantes, muito prestigiada pelo poder público. (Jewel Samad / AFP / Getty Images)
Fig. 4: Zac Vawter, um engenheiro de software de 31 anos de idade, de Seattle, Washington, se prepara para escalar até o 103º andar da Torre Willis usando sua perna biônica em Chicago, em 4 de novembro de 2012. De acordo com o Instituto de Reabilitação de Chicago, o Centro de Medicina Biônica tem trabalhado para desenvolver uma tecnologia que permita que amputados como Vawter tenha melhores próteses controladas com seus próprios pensamentos. (Reuters / John Gress)
Fig.5: O robô bípede humanoide Atlas pratica tai chi durante uma entrevista coletiva na Universidade de Hong Kong, em 17 de outubro de 2013. (Reuters / Tyrone Siu)
Para saber mais:
32 imagens que provam que a era dos robôs chegou
Avanços da robótica por Fábio Cerqueira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

Sensibilidade e Especificidade