"Chuva" de Morcegos na Austrália

Onda de calor provoca "chuva" de morcegos na Austrália. Quando a temperatura supera os 43º C, a maioria dos morcegos simplesmente caem das árvores, vivos ou mortos.

Uma "chuva" de morcegos assustou moradores do estado de Queensland, na Austrália. Por causa de um onda de calor, cerca de 100 mil morcegos morreram. A Sociedade de Proteção dos Animais (RSPCA, na sigla em inglês) da Austrália confirmou a morte dos animais. Segundo meteorologistas, a temperatura na região de Pilbara se aproximou dos 50 graus Celsius.
Essas ondas de calor são uma catástrofe para todas as colônias de morcegos. Quando a temperatura supera os 43 graus Celsius, eles chegam a se unir e a urinar em si mesmos na tentativa de resfriar o corpo. Mesmo assim, a maioria simplesmente cai das árvores. A decomposição provoca mau cheiro no local.
As autoridades de saúde da Austrália aconselharam a população a avisar os serviços de vida selvagem local para remover as carcaças de suas propriedades. Também pediram para que ninguém toque o morcego para evitar o risco de infecções.
Alguns morcegos podem parecer mortos, mas morderam e arranharam quando as pessoas tentaram removê-lo. Segundo as autoridades de saúde, 16 pessoas já receberam tratamento antiviral após tocarem morcegos que inicialmente pareciam mortos.
A chegada tardia das monções no Norte da Austrália tem contribuído para o calor escaldante. Além dos morcegos, outras espécies sofrem, como papagaios e cangurus.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

Sensibilidade e Especificidade