Deprimidos Pelo Frio

Em virtude dos rigores do inverno britânico, pinguins oriundos das costas geladas do Peru e do Chile não estão conseguindo se adaptar ao frio e estão sofrendo de depressão nos cativeiros na Inglaterra 

O jornalista ambiental José Eduardo Mendonça noticiou em seu blog hospedado na página do portal Planeta Sustentável da Editora Abril, que o inverno na Inglaterra este ano está tão rigoroso que até os pinguins estão se ressentindo da falta de sol e estão entrando em depressão.
Segundo ele, "os humanos têm muitos meios e modos de lidar com o desconforto, mas pinguins não podem simplesmente ir até o bar e tomar um uísque. Mesmo aqueles que vivem em relativo conforto em cativeiro estão sofrendo. Aqueles do Sea Life Center, em Scarborough, por exemplo, estão com depressão.
Estes pinguins Humboldt deveriam ser capazes de se adaptar, já que seu habitat natural são as costas geladas do Perú e do Chile, com eventos extremos do tempo. Mas no terrível inverno britânico, eles não estão mais dando conta".
Segundo a curadoura do centro, Lyndsey Crawford, “na primeira semana de inverno eles pareciam apenas um pouco desanimados, mas agora, depois de pouco mais de um mês e pouco, eles estão totalmente cheios e infelizes, como o restante de nós”.
Entre outras coisas, os pinguins, quando estressados, não põem ovos. Seus tratadores resolveram então adotar um método que funciona para animar humanos – administrar antidepressivos.
De acordo com Crawford, a miséria do tempo pode abaixar as defesas naturais dos animais mais do que as dos humanos. E foi por esta razão que decidiram dar aos pinguins drogas para melhorar seu humor, antes que apresentassem sintomas mais sérios.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

Sensibilidade e Especificidade