Drones Inspirados na Natureza

Inspirados no mecanismo de polinização das flores por insetos, cientistas desenvolveram uma nova geração de drones milimétricos capazes de explorar locais pequenos e estreitos


Baseados nos mecanismos adotados por morcegos, insetos e serpentes, várias equipes de pesquisadores buscaram soluções para alguns possíveis problemas que os drones poderiam enfrentar ao navegar por uma área urbana e para realizar novas tarefas em benefício da sociedade. As equipes de pesquisadores publicaram os seus trabalhos na edição de 23 de maio de 2014 da revista IOP Publihisng Bioinspiration and Biomimetics, dedicada ao controle de voo bio-inspirado.



Pequenos aviões não tripulados já foram utilizados em operações de busca e resgate para pesquisar áreas de difícil acesso e perigosas, como em Fukushima no Japão. Agora, uma equipe de pesquisa da Hungria acredita que estes esforços podem ser melhorados se os aviões-robôs forem capazes de trabalhar em grupo. Com este pensamento, desenvolveram um programa que permite a uma série de aviões não tripulados voarem juntos e coordenados como um bando de pássaros.
Já um grupo de pesquisadores da Universidade de Harvard (EUA) desenvolveram um drone com milímetros de tamanho com a finalidade de utilizá-lo para explorar espaços extremamente pequenos e apertados. O micro-robô, do tamanho de uma moeda de um centavo ( ver imagem do artigo original), pode decolar, aterrissar e planar no ar durante períodos de tempo prolongados. No futuro, os drones de tamanho milimétricos também poderão ser usados na polinização assistida de flores.   
Fonte: Europa Press

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

A Importância Ecológica das Baratas

Tecnologia Indígena