O Jovem Sul-Coreano Que Não Envelhece

O jovem sul-coreano de 26 anos, mas que possui a aparência de um pré-adolescente de 10 anos, intriga a ciência. Hyomyung Shin ganhou fama na Coreia do Sul após aparecer em um programa de tevê local e, agora, vídeos seus no Youtube se tornaram virais no mundo todo

O jovem sul-coreano Hyomyung Shin, de 26 anos, 1,63, apesar da aparência saudável, é portador de alguma síndrome rara que o impede de envelhecer. Nascido em 5 de janeiro de 1989, mas com a aparência de um pré-adolescente de no máximo 10, Hyomyung conta que percebeu que havia parado de envelhecer somente aos 18 anos.
Hyomyung apareceu pela primeira na tevê em 2012, em um especial de ano novo lunar (o ano novo chinês), num concurso chamado “Baby Face” (“Cara de Bebê”, numa tradução literal).
No ano seguinte, uma emissora de tevê coreana fez um especial somente com ele, no qual mostrou sua vida. O programa mostra ele de pijama de bolinha, sentado na cama em um quarto com decoração colorida e falando com voz aguda, sem as mudanças de tom típicas da puberdade.
A mídia coreana divulgou que Hyomyung era portador de uma síndrome rara, chamada Highlander, uma alusão ao filme Highlander, O Guerreiro Imortal, de 1986, dirigido por Russel Mulcahi, informação que foi replicada pelos jornais do mundo todo.
O professor Moisés E. Bauer, coordenador do Instituto de Pesquisas Biomédicas da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), atenta para o fato de não haver precedentes como o do sul-coreano na bibliografia médica.
“Devemos evitar a divulgação de 'possíveis achados que poderiam ser chaves para encontrar a cura para parar o envelhecimento'. O envelhecimento não é uma doença, todas as espécies envelhecem, embora em taxas diferentes, e precisamos disso para o correto desenvolvimento”, explicou à BBC Brasil o pesquisador, que coordena o Laboratório de Imunologia do Envelhecimento.
Além disso, Bauer diz que portadores de síndromes raras estudadas pela ciência apresentam, na verdade, atrasos de crescimento físico e não de envelhecimento retardado.
Apesar do seu jeito de quem não passou pela puberdade, Hyomyung diz levar uma vida normal, inclusive no trabalho, em um escritório de consultoria técnica - onde diz nunca ter tido problemas para ser respeitado. Ele também é DJ nos fins de semana.
A ciência, na verdade, está ainda longe de descobrir uma cura para o avanço da idade, mas uma pesquisa conduzida pelo médico e cientista norte-americano Richard Walker pode desvendar a chave para conter o envelhecimento do corpo.
O pesquisador diz que a resposta está em uma doença rara que nem sequer tem um nome real, "Síndrome X". Ele identificou quatro meninas com essa condição, marcadas por aquilo que parece ser um estado permanente de infância, uma parada dramática no desenvolvimento.
Ele suspeita que a doença é causada por uma falha em algum lugar no DNA das meninas. Não é o caso do sul-coreano Hyomyung Shin.
A história mais famosa é a da garota Gabby Williams, de 10 anos, que pesa apenas 5 quilos e tem aparência de um bebê. Há ainda o caso da australiana Nicky Freeman, de 44 anos, que aparenta ter 10 anos.
Fonte: BBC Brasil

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

Sensibilidade e Especificidade