A Luz Que Altera o Metabolismo

Um novo estudo revela que, além de causar insônia, a exposição intensa a luz de smartphone, tablet, etc ao deitar pode afetar o metabolismo, aumentando o risco para doenças como a diabete. Os pesquisadores chegaram a conclusão que o brilho da luz desses aparelhos aumenta a resistência à insulina e os níveis de glicose no sangue,  

Um estudo recente publicado na PLOS ONE mostrou que a exposição intensa a luz de celulares, tablets e microcomputadores pode afetar o metabolismo humano, podendo aumentar o risco para doenças como a diabete.
Cientistas da Northwestern Medicine, Chicago, chegaram a conclusão que o brilho da luz de aparelhos que usamos antes de dormir no anoitecer (smartphone, tablet etc) aumenta a resistência à insulina e os níveis de glicose (açúcar no sangue).
A resistência à insulina causa incapacidade do corpo para deslocar a glicose da corrente sanguínea para as células, resultando em acúmulo de açúcar no sangue. Ao longo do tempo, o excesso de glicose no sangue resulta em aumento da gordura corporal, ganho de peso e aumenta o risco para o diabetes.
A pesquisa mostrou que as pessoas que receberam a maior parte de sua luz intensa dos aparelhos na parte da manhã, pesavam menos do que aqueles que foram expostos após 12:00 Estudos com ratos mostraram também que os expostos a uma luz constante tiveram alteração do metabolismo da glicose e ganharam peso, quando comparados aos não expostos.
Segundo a matéria que saiu no site Deviante, os pesquisadores ainda não sabem como a luz cria esse efeito no organismo, O estudo apresenta considerações preliminares e necessita de aprofundamento. De qualquer forma, fica o alerta.
Para saber mais, clique nos links acima

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

A Importância Ecológica das Baratas