A Pobreza Que Atravanca a Educação


De acordo com Martin Carnoy, enquanto houver pobreza no Brasil, não será possível atingir uma educação de qualidade. Segundo o pesquisador americano que estuda a educação brasileira desde os anos 60, se a sociedade vai mal, a educação vai mal também.

O pesquisador norte-americano Martin Carnoy, da Escola de Educação de Stanford, afirmou no dia 14 de agosto de 2013, em evento promovido pelo Centro Lemann para o Empreendedorismo e Inovação na Educação Brasileira, que enquanto houver pobreza no país, não será possível atingir uma educação de excelência. Para ele, todo dinheiro do mundo não será capaz de transformar a educação sem uma mudança profunda na sociedade como um todo. Carnoy considera que a presença de crianças em situação de pobreza piora o sistema como um todo e que consertar a desigualdade de um país pela educação é o caminho mais caro, mas segundo o pesquisador, que estuda educação brasileira desde 1960, deveria começar por um ensino de qualidade e inventivo desde a educação infantil.
“Os sistemas educacionais estão profundamente mergulhados e conectados com as sociedades em que estão inseridos. Se a sociedade vai mal, a educação vai também”, diz o professor que acredita que mudanças fundamentais precisam ser puxadas por uma transformação na sociedade e é necessário oferecer boas condições de saúde, nutrição e segurança.
O pesquisador também não acredita que tablets e computadores possam sanar as deficiências do sistema educativo. “Não há tecnologia que substitua um bom professor e não há um bom sistema educacional sem bons professores”, conclui.
Fonte: Exame

Comentários

  1. Concordo, quando se é criado desde pequeno em lugar pobre, onde não se observa avanços, fica difícil ter uma visão de mundo melhor e sonhar com algo que as pessoas dali consideram um tanto impossível. Isto desestimula as crianças à querer algo mais na vida. Elas precisam ser incentivadas para que se possa mudar essa realidade.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A Mariposa da Morte

Tecnologia Indígena

A Importância Ecológica das Baratas